‘Intermeios’ preserva na internet história e produção acadêmica da FAU

Já é tradição na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo (FAU) da USP o uso e a produção, dentro e fora das disciplinas, de recursos audiovisuais. Entre os serviços relacionados mais conhecidos estão o VideoFAU e o FotoFAU. Este ano, para organizar e mostrar ao público os mais de 20 anos desta produção, foi criado o Intermeios – site que disponibiliza o acervo online.

A história dos recursos audiovisuais da FAU começa na década de 1980, quando os primeiros equipamentos de vídeo chegaram à faculdade pelo Laboratório de Recursos Audiovisuais (LRAV). Este foi estruturado como um laboratório interdepartamental para atender a todos os professores e alunos em suas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

O laboratório deu impulso ao desenvolvimento do setor, que passou a ser de interesse de toda a comunidade da FAU. Diversas disciplinas passaram a utilizar a produção de vídeos como atividade didática, o que também foi feito pelos pesquisadores e grupos de pesquisa.

www.fau.usp.br/intermeios

Com tantos vídeos na gaveta, o Intermeios surge como uma oportunidade de reunir em um só lugar, de uma maneira acessível e organizada, a produção audiovisual de uma das mais importantes faculdades de arquitetura do país. “A importância desse projeto passa desde as questões mais amplas, como a democratização do acesso e do conhecimento, até de fato a formação de alunos e profissionais da área”, afirma a professora Giselle Beiguelman, coordenadora do projeto juntamente com o professor Silvio Melcer Dworecki.

Categorias
O site de Intermeio foi dividido em categorias, que, segundo o supervisor do VideoFAU, Domingos Luiz Bargmann Netto, espelham a prática de trabalhos realizada na faculdade.

A seção Documentários reúne pesquisas de professores e grupos com temas específicos, visando à divulgação científica. A seção Alunos conta, em sua maioria, com vídeos de curta duração feitos pelos estudantes, de caráter experimental e com diversidade de temas, que têm suporte técnico e orientação da equipe especializada do VideoFAU. Já a categoria Palestras e Eventos documenta os eventos e seminários realizados na faculdade, que atraem grande quantidade de público e falam sobre variados assuntos.

Há ainda o Memória FAU, seção relativa à história da vivência e do cotidiano na faculdade. Bargmann conta que o Memória atrai muitos ex-alunos, que se interessam pelos vídeos por poderem reviver sua própria história. “As pessoas acabam gostando muito desses vídeos porque eles trazem uma parte da vida delas, do momento que elas passaram aqui”, conta Bargmann.

“As pessoas acabam gostando muito desses vídeos porque eles trazem uma parte da vida delas.”

Agora, o próximo passo é compartilhar o valioso acervo fotográfico da FAU, que ficará disponível na seção Fotografia.

Patrimônio público
Segundo Gisele, a iniciativa visa expandir a área de comunicação online, que vem crescendo cada vez mais com o avanço da internet e a participação das pessoas em redes sociais. Portanto, criar o site seria a maneira mais fácil para divulgar essa produção e estimular os professores e estudantes a continuar produzindo. “O nosso trabalho possui duas direções: divulgar que o Intermeios existe e chegar em um ponto de prescindir dessa divulgação”, conta.

O interesse tem sido muito grande e o site já contou com acessos de vários países, como México, Espanha, Inglaterra e Portugal. Porém, Giselle reconhece a necessidade de aumentar a visibilidade do projeto e criar uma relação social com seus usuários, para receber críticas e sugestões. Uma alternativa seria a criação de uma página no facebook, que permitiria um alcance e um contato muito maior com seus visitantes.

“Os alunos ficam muito satisfeitos de ver seus trabalhos postados. E esse é o fundamento do nosso trabalho: acompanhar e orientar a produção de vídeos para que todos tenham acesso a esse material, e não deixá-los guardados em prateleiras”, afirma Rose Moraes Pan, do VideoFAU.

Além de realizar um importante papel na preservação da história da FAU, disponibilizando vídeos que resgatam antigos trabalhos e contam um pouco sobre o cotidiano dos alunos desde sua fundação, o Intermeios também contribui com temas fundamentais para a sociedade. “Alguns vídeos não foram feitos na época como algo especial, mas como uma atividade normal da faculdade. Porém, eles acabaram se tornando uma documentação que é um patrimônio urbano e coletivo da sociedade e que precisa e deve ser conhecido e distribuído”, diz.

“[Alguns vídeos] acabaram se tornando uma documentação que é um patrimônio urbano e coletivo da sociedade e que precisa e deve ser conhecido.”

O Intermeios convida o público, principalmente ex-alunos, ex-professores e ex-funcionários da FAU, a contribuir com a construção dessa história enviando arquivos audiovisuais e fotos relacionados à vivência universitária. O contato pode ser feito pelos telefones (11) 3091-4524 / 3091-4559; pelo email intermeios@usp.br, ou pelo site www.fau.usp.br/intermeios. A FAU fica na Rua do Lago, 876, Cidade Universitária, São Paulo.

Fonte: USP Notícias

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: